Advogado pode ser DPO em Portugal?

Atualizado: 11 de Mai de 2020

O parecer da Ordem dos Advogados de Portugal diz que depende:

"Nos termos do disposto no artigo 83.º, 1, 2 e 6, do Estatuto da Ordem dos Advogados, os advogados estão impedidos de exercer a advocacia e, assim, impedidos de exercer o mandato forense ou a consulta jurídica, para entidades para quem exerçam, ou tenham exercido as funções de Encarregado de Proteção de Dados."
15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo